Sumario - TST 44

TRANSPORTES, SERVICIOS Y TELECOMUNICACIONES


TST 44

Fernanda de LIMA LOURENCETTI

A reutilização do patrimônio ferroviário no estado de São Paulo: uma metodologia para a sua inventariação
 

<<< SUMARIO TST 44

Palabras clave: Património Ferroviário; Reutilização; Revitalização Urbana; São Paulo; Araraquara.


[ Resumen ]

Na década de 1950, grande parte dos complexos ferroviários paulistas passaram a sofrer mutações espaciais devido ao desenvolvimento da tecnologia, da sociedade e da economia, resultando na desativação de inúmeros edifícios. A implantação de projetos de revitalização urbana e reutilização das suas antigas infraestruturas ganharam destaque na década de 1970. Neste contexto, Araraquara teve o seu complexo ferroviário parcialmente desativado; apesar da sua estação ter recebido um novo uso em 2008, muitos dos seus edifícios foram negligenciados. Atualmente, os trilhos que atravessam a cidade estão em vias de total desativação, o que colocará Araraquara diante do desafio de preservar e reutilizar o seu patrimônio ferroviário edificado. Assim, este artigo tem como objetivo contribuir para casos como este, que necessitem de um planejamento de estratégias de intervenção e reconversão. Para tal, será apresentada uma metodologia proposta para a inventariação de exemplos de reutilização existentes no estado de São Paulo (Brasil).